sábado, 12 de maio de 2007

Virada Cultural


Pois é...a virada cultural revelou um centro de São Paulo muito diferente do pouco que eu conhecia.
Imaginar aquelas praças e avenidas cheias às 2, 3 da madrugada é bem diferente!
Palcos espalhados por todos os lados, pessoas de muitas tribos, todas ali!
Como disse a Bah, foi o mais próximo que poderíamos chegar de Woodstock!
Nossa...era surreal olhar aqueles gramados cheios de pessoas deitadas, em roda ou mesmo solitárias recostadas à arvore, ou realizado seu próprio espetáculo de dança ali, na grama, quando não se podia assistir à apresentação devido à lotação em frente ao palcos.
Nomes como Chico Buarque, Vinicius de Moraes entre outros foram lembrados em encontros poéticos ou eventos de dança.
Foi a oportunidade de ver shows e novas visões de arte como se olhasse do quintal de casa, bem ali na rua ou na praça!
Destaque para o Ballet Stagium, bailarinos expressivos, sem falar que o espetáculo era muito bom também! Músicas de Chico Buarque vivas ali nas coreografias.
Foi isso, Bartira, Cecília, Daigous e eu, dando uma de mochileiros em pleno centros de sampa!
eLi
:-]

3 comentários:

Arnaldo disse...

A Cecília me contou animada como foi a noite de vocês. E São Paulo é uma cidade encantadora, apesar de complexa (ou por isso mesmo).

Bartira disse...

Nosso humilde Woodstock foi o máximo! Eu que não gosto de São Paulo achei muito lindo ver tanta gente na rua, em paz umas com as outras (vamos ignorar o acontecido no show dos Racionais, afinal aquele não era o público da Virada).

A companhia então foi perfeita! Valeu por tudo!

Eli K disse...

Valew mesmo!
:-]